Agropecuária é o setor que mais gera empregos em Paranavaí pelo segundo mês consecutivo

Rhema Educacao


O Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) divulgou nesta quarta-feira (22/8), os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) referentes ao mês de julho. Paranavaí fechou novamente o mês com saldo positivo, e pelo segundo mês consecutivo, a agropecuária foi o setor que mais gerou empregos na cidade.

Em julho, Paranavaí registrou 739 admissões com carteira assinada e 671 demissões, o que significou a abertura de 68 novos postos de trabalho. No mês de julho, apenas 30 municípios do Paraná registraram saldo positivo na geração de empregos. No ranking do Estado, Paranavaí aparece como a 13ª cidade que mais gerou empregos no mês de julho. As três cidades que mais abriram novos postos de trabalho foram Curitiba (+1.306), São José dos Pinhais (+368) e Campo Mourão (+279).

Paranavaí aparece à frente de outros centros de mesmo porte e até maiores, como
Umuarama (saldo de -8), Cianorte (saldo de -42), Ponta Grossa (saldo de -75), Apucarana (saldo de -97), Londrina (saldo de -185) e Toledo (saldo de -273).

Os setores que mais geraram empregos em Paranavaí no mês de julho foram a
agropecuária, com 63 novos postos de trabalho, a indústria da transformação (+19) e o comércio (+10).

No acumulado deste ano, Paranavaí tem um saldo positivo de 261 novos postos de
trabalho, resultado de 7.126 admissões com carteira assinada e 6.865 demissões. Até o momento o município está à frente de cidades como Apucarana (saldo de -385), Londrina (saldo de -1.257) e Umuarama (saldo de -1.617).

Situação no país – O Brasil gerou em julho 47.319 empregos com carteira assinada. O resultado é o melhor dos últimos seis anos para o mês segundo o Ministério do Trabalho. Os números oficiais do governo mostram ainda que, entre janeiro e julho, foram criados 448.263 empregos com carteira assinada em todo o país. Já nos últimos doze meses foi registrada a criação de 286.121 postos de trabalho formais.

O Paraná também fechou o mês de julho com saldo positivo de 2.485 postos de trabalho com carteira assinada. De acordo com o Caged, o resultado é o melhor desde abril - mês em que foram gerados 9.228 empregos. Em junho, o Paraná teve o pior saldo do ano, com o fechamento de 6.609 postos de trabalho.

De janeiro a julho, o Estado acumula geração de 34.601 postos de trabalho. É o melhor resultado para o período desde 2014, quando os primeiros sete meses do ano somaram saldo positivo de 66.188 postos de trabalho.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social - Prefeitura do Município de Paranavaí






Design by Gustavo Picoloto