Vigilância interdita borracharia na BR-376 com reincidência de focos de dengue



A Vigilância em Saúde, o Ministério Público e a Polícia Militar realizaram nesta quarta-feira (29/1) mais uma ação conjunta de fiscalização contra a dengue, que resultou na interdição de uma borracharia na BR-376. Desde o início do ano, esta é a quarta vez que foram encontrados focos de larvas do mosquito Aedes aegypti no local. Além da interdição e de ser multado pela terceira vez, o proprietário da borracharia foi encaminhado pela Polícia Militar até o 8º Batalhão, onde foi registrado Boletim de Ocorrência por crime contra a saúde pública.

Veja também: Município decreta situação de emergência por conta da dengue em Paranavaí

Vigilância interdita borracharia na BR-376 com reincidência de focos de dengue, em Paranavaí
Vigilância interdita borracharia na BR-376 com reincidência de focos de dengue

“Este é mais um dos locais considerados pontos críticos na cidade. O proprietário já havia sido notificado e orientado a eliminar os focos. Quando retornamos pela segunda vez, a situação persistia e ele foi multado em mais de R$ 2.400. Recebeu novo prazo para a limpeza e na terceira visita, a situação ainda não havia sido resolvida. Ele foi infracionado pela segunda vez, com indicação de multa inicial de aproximadamente R$ 8.700. Hoje é nossa quarta ação neste mesmo estabelecimento. Como a infestação de larvas da dengue continua, hoje fizemos a interdição do local e o proprietário foi infracionado pela terceira vez, com indicação de multa inicial de mais de R$ 16 mil”, explica a diretora da Vigilância em Saúde, Keila Stelato.

Vigilância interdita borracharia na BR-376 com reincidência de focos de dengue, em Paranavaí
Vigilância interdita borracharia na BR-376 com reincidência de focos de dengue

Segundo a diretora da Vigilância, ações conjuntas como esta estão programadas para acontecer com maior frequência no município. “Infelizmente é necessário adotarmos medidas mais severas para tentar fazer com que as pessoas se conscientizem da gravidade do problema que estamos vivendo. De 1º de janeiro até hoje (29), já temos 1.380 casos suspeitos de dengue notificados na cidade. Destes, 346 já foram positivados e apenas 27 descartados. Se continuarmos neste ritmo, teremos apenas 7% dos exames negativados. O que significa que do total de casos suspeitos, já podemos ter mais de 1.200 pessoas com diagnóstico positivo para dengue em Paranavaí, em menos de 30 dias”, frisa Keila.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social - Prefeitura do Município de Paranavaí






Design by Gustavo Picoloto