Economia

Dólar fecha acima de R$ 3,60 pela primeira vez desde 2003

Em um dia de turbulência no mercado financeiro, a moeda norte-americana voltou a subir e ultrapassou a barreira de R$ 3,60. O dólar comercial encerrou esta terça-feira (25/8) vendido a R$ 3,608, com alta de R$ 0,056 (1,57%). A cotação fechou no maior valor desde 27 de fevereiro de 2003 (R$ 3,662).

Irã suspende embargo à carne bovina do Paraná

O Irã anunciou nesta segunda-feira (24/8) o fim do embargo à carne bovina in natura do Paraná. A restrição estava em vigor desde 2012, em virtude de um caso atípico da doença vaca louca no Estado. A decisão do país foi comunicada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Dólar fecha acima de R$ 3,50

Em mais um dia de alta, a moeda norte-americana ultrapassou R$ 3,50 e fechou no maior valor em 12 anos. O dólar comercial encerrou esta quinta-feira (6/8) vendido a R$ 3,537, com alta de R$ 0,048 (1,39%). A cotação está no maior nível desde 5 de março de 2003, quando havia fechado em R$ 3,555.

Dólar ultrapassa R$ 3,40 e fecha o mês com alta de 10%

Em mais um dia de turbulência no mercado financeiro, a moeda norte-americana teve forte alta e, pela primeira vez em 12 anos, fechou acima de R$ 3,40. O dólar comercial subiu R$ 0,054 (1,59%) e encerrou o mês de julho vendido a R$ 3,425, no maior valor desde 20 de março de 2003 (R$ 3,478).

Governo Central acumula déficit primário de R$ 1,6 bilhão no primeiro semestre

A queda da arrecadação provocada pela contração da economia teve impacto nas contas públicas no primeiro semestre. De janeiro a junho, o Governo Central – Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central – acumula déficit primário de R$ 1,598 bilhão. Em valores reais (corrigidos pela inflação oficial), o resultado é o pior da história para os seis primeiros meses do ano desde a criação da série histórica, em 1997.

Dólar sobe pelo quarto dia seguido e volta a fechar no maior valor em 12 anos

Em meio a tensões na economia chinesa e a desconfiança em relação às metas fiscais no Brasil, a moeda norte-americana voltou a fechar no maior nível em 12 anos. O dólar comercial encerrou hoje (27/7) vendido a R$ 3,364, com alta de 0,51% (R$ 0,017). A cotação está no maior nível desde 27 de março de 2003, quando tinha fechado em R$ 3,386.

Dólar comercial aproxima-se de R$ 3,35 e fecha no maior nível em 12 anos

Em mais um dia de instabilidade no mercado financeiro, a moeda norte-americana voltou a subir e fechou no maior nível em 12 anos. O dólar comercial encerrou esta sexta-feira (24/7) vendido a R$ 3,347, com alta de R$ 0,051 (1,65%). A cotação está no maior nível desde 31 de março de 2003, quando o dólar fechou em R$ 3,355.

Paranavaí teve o maior percentual de crescimento em arrecadação de ISS do Estado

A arrecadação de Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS) de Paranavaí foi a que mais cresceu entre 2010 e 2013, numa lista de 10 dos principais municípios do interior do Paraná. O município teve um percentual de 87,5% de crescimento de arrecadação do imposto, ficando à frente de grandes centros como Londrina, Paranaguá, Cascavel, Ponta Grossa, Maringá, Foz do Iguaçu, Pato Branco, Cianorte e Cornélio Procópio. A informação foi divulgada nesta segunda-feira (20/7) pela Folha de Londrina com base nos dados do site meumunicipio.org.br.

Endividamento das famílias é recorde para meses de abril

O endividamento das famílias em abril foi recorde para o mês. De acordo com dados do Banco Central (BC), em abril, a dívida total das famílias equivalia a 46,3% da renda acumulada em 12 meses. É o maior percentual para o mês na série histórica iniciada em janeiro de 2005. Em relação a março, quando o indicador ficou em 46,2%, houve pequena alta.

Juros do cartão de crédito atingem maior nível em 16 anos, mostra Anefac

Ter a dívida multiplicada por quatro em um ano – esta é a realidade de quem entrou no crédito rotativo do cartão. Segundo levantamento divulgado hoje (10/6) pela Associação Nacional dos Executivos de Finanças (Anefac), os juros do cartão de crédito passaram de 295,48% ao ano em abril para 304,03% em maio.


Design by Gustavo Picoloto