Estadual

Paraná conquista reconhecimento nacional de Área Livre de Aftosa sem Vacinação

O Paraná obteve reconhecimento nacional de Área Livre de Febre Aftosa sem Vacinação, uma conquista histórica para o setor agropecuário. A ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Tereza Cristina assinou nesta terça-feira (11/8) a Instrução Normativa nº 52, que concede o título ao Paraná, Acre, Rio Grande do Sul, Rondônia, e regiões dos Estados do Amazonas e de Mato Grosso. A IN será publicada no Diário Oficial da União e passa a vigorar em 1º de setembro.

Produção industrial paranaense cresce 5,2% entre maio e junho

A produção industrial paranaense cresceu 5,2% entre maio e junho deste ano, de acordo com a Pesquisa Industrial Mensal Regional divulgada nesta terça-feira (11/8) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). É o segundo indicador positivo em sequência depois do impacto mais emblemático da crise provocada pelo novo coronavírus no setor. Houve retomada em 14 das 15 unidades da Federação que fazem parte do estudo e de 8,9% no indicador nacional nesse mesmo período.

Paraná tem o 2º melhor índice de esgotamento sanitário do país

O Atlas de Atualização da Base de Dados de Estações de Tratamento de Esgotos, divulgado nesta semana pela Agência Nacional de Água (ANA), destaca o Paraná com o segundo melhor índice do país no atendimento à população urbana com serviço de esgotamento sanitário. O levantamento aponta o Paraná com 80,7%, superado apenas pelo Distrito Federal e com quase o dobro da média nacional, que ficou em 46,5%.

Governador sanciona lei que proíbe posse, uso e fabricação de cerol

O governador Carlos Massa Ratinho Junior sancionou a lei que proíbe a posse, uso, fabricação, comercialização e transporte da mistura de cola e vidro, popularmente conhecida como cerol ou linha chilena, comumente utilizada para atribuir efeito cortante aos fios de pipas, papagaios, pandorgas e bidês. A norma já está em vigor.

Parques Urbanos garantem conservação, lazer e turismo

O Programa Estadual Parques Urbanos, do Governo do Paraná, garante lazer, desenvolvimento sustentável e conservação ambiental. Lançado em 2019, o programa recebe investimentos de R$ 46,8 milhões, já iniciou em 21 municípios e chegará a 46 cidades. A Secretaria do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo aprovou a implantação dos parques. O programa é realizado pelo Instituto Água e Terra.

Estado registra queda de acidentes, feridos e mortes no trânsito

O Paraná registrou queda no número de acidentes, feridos e mortes no trânsito no primeiro semestre do ano. Levantamento da Polícia Militar mostra a ocorrência de 35.606 acidentes em vias urbanas e rodovias estaduais. O número representa redução de 23,8% em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram registrados 46.759 acidentes.

Novas casas vão atender famílias do Noroeste em vulnerabilidade

A Secretaria de Estado da Justiça, Família e Trabalho, em parceria com a Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), firmou nesta terça-feira (21/7) um plano de trabalho com as prefeituras de Santa Cruz de Monte Castelo e Querência do Norte para construção de 71 unidades habitacionais.

O plano faz parte do projeto de redução do déficit habitacional dos municípios prioritários do Programa Integrado de Inclusão Social e Requalificação Urbana, que integra o programa Nossa Gente Paraná.

CGE identifica pessoas falecidas que receberam o Comida Boa

A Controladoria-Geral do Estado (CGE) descobriu mais de 500 pessoas falecidas que receberam pelo menos uma parcela do Cartão Comida Boa e conseguiu que o benefício fosse suspenso, antes da terceira remessa, realizada no fim da semana passada. O resultado foi alcançado com o cruzamento de bancos de dados do Governo Federal com o dos beneficiários do programa paranaense. Boa parte dessas pessoas assinou a autodeclaração de vulnerabilidade para receber o cartão, do programa, que é destinado à proteção de pessoas durante o enfrentamento à Covid-19.

Aplicativo agiliza monitoramento de pessoas com suspeita ou confirmação de Covid-19

A Agência Studio Imaxis, de Francisco Beltrão, no sudoeste do Paraná, mudou o foco durante a pandemia do coronavírus. Cledson Lodi, proprietário da startup, convidou os colaboradores a desenvolver um aplicativo para identificação e monitoramento de sintomas da doença. A missão era contribuir com os gestores de saúde e resultou no Maxi Saúde, um aplicativo para dispositivos móveis disponibilizado gratuitamente para as Prefeituras de municípios da região.

Webinar do Noroeste traz as tecnologias utilizadas em Maringá, Paranavaí e Jussara

Prefeitos e gestores públicos do Noroeste do Estado trataram na manhã desta terça-feira (14/7) em evento online, promovido pela Rede Cidade Digital (RCD) e apresentado pela jornalista e diretora da S. Clara Comunicação, Valdireni Alves, o uso de tecnologias para atender a população, em especial neste momento que os municípios enfrentam a crise da covid-19. Diante da pandemia do novo coronavírus, cresce também a demanda pela oferta de serviços digitais. “Os exemplos de Paranavaí, Jussara e Maringá demonstram a importância da tecnologia na gestão pública, independente do tamanho do município. Se antes a tecnologia era importante, agora é imprescindível”, ressaltou o diretor da RCD, José Marinho.

Conteúdo sindicalizado

Design by Gustavo Picoloto