Empregos

Notícias sobre empregos e concursos

Paranavaí é destaque na geração de empregos de agosto, segundo CAGED

O Ministério da Economia divulgou nesta semana os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) referentes ao mês de agosto. Paranavaí fechou o mês com saldo positivo na geração de empregos.

Com 17 mil novos empregos, Paraná tem saldo positivo pelo terceiro mês seguido

Pelo terceiro mês consecutivo, o Paraná apresentou saldo positivo na criação de empregos com carteira assinada. Entre admissões e demissões, o Estado conseguiu abrir 17.061 postos de trabalho em agosto, o que representa aumento de 93% em relação a julho (com 8.833 vagas). É o melhor desempenho desde o início da pandemia do novo coronavírus, em março, e o quarto resultado entre todas as unidades da federação, atrás apenas de São Paulo (64.552), Minas Gerais (28.339) e Santa Catarina (18.375).

Os dados foram divulgados nesta quarta-feira (30/9) pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), ligado ao Ministério da Economia.

Paraná abre quase 9 mil vagas de emprego formal em julho

O Paraná criou 8.833 empregos com carteira assinada em julho, um incremento de 214% em relação a junho, quando foram abertas 2.829 vagas. O desempenho é o quarto melhor do País, atrás apenas de São Paulo (22.967), Minas Gerais (15.843) e Santa Catarina (10.044). Os dados foram divulgados nesta sexta-feira (21) pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), ligado ao Ministério da Economia.

Brasil cria 131 mil postos formais de trabalho em julho

Depois de vários meses extinguindo postos de trabalho por causa da pandemia do novo coronavírus, o país voltou a criar empregos formais em julho. Segundo dados divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), da Secretaria de Trabalho do Ministério da Economia, 131.010 postos de trabalho com carteira assinada foram abertos no último mês. O indicador mede a diferença entre contratações e demissões.

Paraná tem saldo positivo de empregos em junho, diz Caged

O Paraná registrou saldo positivo de 2.829 empregos com carteira assinada em junho, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados nesta terça-feira (28/7). Foi o sexto melhor resultado do País, atrás de Mato Grosso, Santa Catarina, Goiás, Maranhão e Pará, e o primeiro balanço positivo após três meses de baixas, apontando certo reequilíbrio da economia.

Brasil registra retração de 331,9 mil postos de trabalho em maio

Prejudicado pela crise econômica gerada pela pandemia do novo coronavírus (covid-19), o emprego formal registrou, em maio, o terceiro mês seguido de desempenho negativo. Segundo dados divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), da Secretaria de Trabalho do Ministério da Economia, 331.901 postos de trabalho com carteira assinada foram fechados no último mês. O indicador mede a diferença entre contratações e demissões.

Agência do Trabalhador já realizou mais de 500 atendimentos on-line

Por conta das medidas de prevenção e enfrentamento ao Covid-19 em Paranavaí, a Agência do Trabalhador não está realizando nenhum atendimento presencial. Porém, os servidores fazem diariamente atendimentos on-line e auxiliam os cidadãos que precisam de algum esclarecimento. Do dia 21 de março até hoje, já foram feitos 577 atendimentos.

Agências do Trabalhador têm mais de duas mil vagas no Paraná

Mesmo com a suspensão dos atendimentos presenciais nas Agências do Trabalhador do Paraná e com várias empresas paralisadas devido à pandemia de Covid-19, as vagas de empregos em estabelecimentos de serviços considerados essenciais estão sendo ofertadas normalmente pela internet. Esta semana, por exemplo, são mais de 2 mil vagas abertas cadastradas no sistema no Paraná – sendo cerca de 200 em Curitiba e 300 na Região Metropolitana da capital.

GTFoods oferece vagas de emprego em suas unidades do PR

A GTFoods, uma das gigantes do setor avícola, oferece, periodicamente, diversas oportunidades de contratação em unidades distribuídas no estado do Paraná. Mensalmente, são contratados mais de 200 funcionários. As vagas são para funções operacionais, cargos técnicos e/ou administrativos.

Agências do Trabalhador vão atender também por chat online

A Secretaria de Estado da Justiça, Família e Trabalho, por meio do Departamento do Trabalho e Estimulo à Geração de Emprego e Renda, disponibiliza uma nova ferramenta para atendimento ao trabalhador e empregador - o Chat do Trabalhador - criado como um canal de comunicação e orientação entre trabalhadores e profissionais das Agências do Trabalhador.

Conteúdo sindicalizado

Design by Gustavo Picoloto